13 de jan de 2015

Comprinhas de Cosméticos Asiáticos na Tailândia



Hello pessoal!

Voltei a fazer videos, e hoje vim falar sobre os cosméticos asiáticos que comprei na minha recente viagem a Tailândia. Comprei vários produtos para limpar o rosto, máscaras e mesmo produtos que já foram usados e testados por mim, e esse vídeo de comprinhas quer dizer que em breve vou começar a falar mais de cosméticos asiáticos já que faz bem um ano que não falo disso por aqui.
12 de jan de 2015

Creme para as Mãos Romã e Manteiga de Karité Alverde.



Hello pessoal!


Em dezembro fui para a Alemanha e numa passada rápida na farmácia aproveitei para me abastecer com a manteiga alverde que meu cabelo tanto ama. Como nessa época de inverno castiga a pele eu comprei também um creme para as mãos que desde o momento que comprei não parei de usar.



O segundo ingrediente é o óleo de girassol, daí podemos ver que é um produto extremamente nutritivo, o terceiro ingrediente é a manteiga de karité, e a fórmula tem ainda glicerina e óleo de romã. A Alverde é a marca própria da DM e tem uma vibe mais orgânica, todos os produtos vendidos são bem naturais e orgânicos, tenho que tirar o chapéu para a linha : tudo que usei até hoje da marca tem composição excelente, a prova que produtos baratos podem sim ter uma boa fórmula!



O creme é branco, o cheiro de romã infelizmente não é muito perceptível e o cheiro também não fica nas mãos ele some logo. Minhas mãos ficam bem secas no frio porquê além do frio propriamente dito ainda tem as luvas que deixam minhas mãos bem ressecadas nessa época.

Depois de uma semana usando pude notar minhas mãos bem mais nutridas, a parte de cima da minha mão estava bem menos enrugadinha, minhas mãos ficaram não só macia, elas realmente ficaram nutridas e não aquela maciez que depois que lava sai! O ruim é que essa marca só é vendida na DM e só posso comprar quando viajo.
9 de jan de 2015

Condicionador Maçã Verde e Melaleuca Superdrug



Hello pessoal!

Durante muito tempo eu praticamente parei de comprar condicionador, eu a cada vez que lavava o cabelo usava máscara então praticamente não tinha espaço para condicionador na minha rotina capilar. Isso mudou depois que entrei em transição e comecei a fazer cada vez mais cowash e sempre procuro um condicionador barato para tal. Um desses dias passando pela Superdrug que é uma rede de farmácias daqui da Inglaterra eu ví esse condicionador que é da marca própria da farmácia e resolvi comprar.



A fórmula dele é bem simples e perfeita para cowash, possui glicerina como terceiro ingrediente, e também óleo de melaleuca e extrato de maça. Fórmula simples mas boa e sem nenhum silicone.

Sabe aquela coisa de comprar pelo cheiro? Esse condicionador tem cheiro de bala de maçã, quando senti o cheiro fiquei louca para comprar porquê amo o cheiro de bala de maçã! Acho que a primeira vez que compro um produto para cabelo que não seja para cabelo seco, esse condicionador é para cabelos normais a oleosos mas como é para lavar o meu cabelo eu até achei legal que seja algo mais "adstringente".

Eu usei para cowash várias vezes e o resultado sempre foi muito bom, como ele é para cabelos oleosos dá uma leve sensação de refrescância, deixa um pouco menos macio que os outros condicionadores mas isso eu resolvo logo com a hidratação em seguida, e o preço dela é a melhor parte : paguei 1,50 libras na promoção. Gostei tanto que quando esse acabou eu comprei a versão de coco da marca para testar, mas falarei disso em outro post!
8 de jan de 2015

Máscara Óleo Extraordinário Elsève



Hello pessoal!

Comprei a máscara óleo extraordinário da Elsève junto com o condicionador da linha logo quando começaram a ser vendidos por aqui. Na verdade eu queria que vendesse o creme de pentear também como é vendido no Brasil mas aqui só tem o shampoo que eu não comprei por não usar shampoo com sulfatos, o condicionador, a máscara e os óleos da linha.




A fórmula do produto é um exemplo a não ser seguido, uma empresa pode colocar vários ingredientes excelentes num produto e mas aí erra em um e todo o esforço vai por água abaixo, ou melho explicando : a fórmula tem muitos extratos de plantas e óleos vegetais mas a empresa foi infeliz em colocar óleo mineral no produto.

A fórmula possui extrato de camomila, óleo de coco, óleo de girassol, extrato de lótus e de outras flores além do óleo de soja, ingredientes maravilhosos para fazer com que a máscara óleo extraordinário fosse a mais nutritiva e natural da Elsève mas a presença do óleo mineral estragou meus planos.




Eu não uso produto com óleo mineral há vários anos já e comprei a máscara óleo extraordinário num momento de empolgação onde esqueci de ler a fórmula. Num momento de curiosidade resolvi usar uma vez a máscara mesmo sabendo do risco de meu cabelo ficar ruim.

A máscara é consistente e tem uma cor dourada clara, ela é a cópia da máscara Orofluido da Revlon, a cor, a textura, os brilhinhos e até mesmo o perfume é parecido. Os brilhinhos ficam na mão mas em mim não ficou no cabelo. Eu tinha receio que aparecesse no cabelo, e como meu cabelo é bem escuro ia dar para notar logo os brilhos dourados mas eles ficam imperceptíveis.

Apliquei a máscara mecha por mecha e como sempre deixei 15 minutos de pausa, já quando a gente aplica o cabelo desembaraça fácil e fica bem macio. Quando secou o cenário foi outro : cabelo pesado mas com as pontas bem secas, não vou usar o termo espichadas porquês com meu cabelo quase natural hoje elas estão bem enroladinhas mas ficou as pontas feias e o resto do meu cabelo pesado sendo que antes eu não tinha problema nenhum, é exatamente o mesmo efeito de quando uso óleo mineral sem querer (num salão por exemplo!) meu cabelo sofre uma regressão.

A máscara óleo extraordinário tinha tudo para ser a minha favorita da linha, assim como o condicionador da linha é o meu favorito mas o óleo mineral da fórmula me faz passar longe dela.
6 de jan de 2015

Máscara Hidratação Head & Shoulders


Hello pessoal!

Mais um produto que durante muito tempo eu quis usar! Eu via na internet pessoas que faziam  o cronograma capilar contando que essa máscara da Head&Shoulder era uma boa opção de hidratação e que ainda por cima era barata! Aqui na Inglaterra a Head&Shoulder não vende máscaras, então teria que esperar até minha ida ao Brasil para experimentar.

Duas semanas antes de eu ir para o Brasil, eu fui para Turquia e qual não foi a minha surpresa ao ver as máscaras da Head&Shoulder em Istambul? Trouxe essa e a laranjinha que é reparadora, além de várias outras linhas de outras marcas que encontrei durante a viagem.



Como sempre vou começar falando da composição, não achei absolutamente nada de interessante, eu sei que geralmente as máscaras de hidratação tem uma fórmula mais simples mas não consigo entender uma máscara de hidratação que não tenha nem mesmo glicerina na fórmula, achei a fórmula muito pobre.

A máscara é branca e tem um cheiro agradável e a consitência boa de aplicar no cabelo, apliquei mecha por mecha e deixei pausar por 15 minutos e não senti muita diferença, parecia que eu tinha usado um condicionador simples.

Usei uma segunda vez pausando pelos mesmo 15 minutos e o resultado foi o mesmo se tivesse passado apenas um condicionador. Já da terceira vez como queria ver algum resultado eu turbinei ela com glicerina e aí achei que meu cabelo ficou mais hidratado, repetir a experiência com glicerina mais uma vez e achei que esse foi o melhor jeito de usar essa máscara que no meu cabelo não fez absolutamente nada usada pura.

Se você tem o cabelo seco que precisa mais de hidratação essa máscara não é a mais recomendável, exceto se você for usar ela como base e turbinar com outros ingredientes. No meu cabelo não valeu a pena ter comprado apesar de ter ouvido muitos elogios a essa máscara.